Prefeito promete ônibus extras e determina mudança de jornada de categorias

Diante de aglomerações de passageiros nos ônibus do transporte coletivo, novas estratégias foram apresentadas na tarde desta segunda-feira (8) para circulação durante a pandemia do coronavírus. Segundo o prefeito Marcelo Belinati (PP), um estudo aponta que atualmente cerca de 48 mil pessoas utilizam o serviço por dia.

O mesmo levantamento revela que antes da Covid-19 chegar na cidade, eram 130 mil usuários. No período em que as atividades do comércio, construção civil e indústrias estavam paralisadas o número caiu para menos de 20 mil diários.

O maior fluxo registrado nos dias atuais está entre às 6h30 e 8h da manhã, quando os munícipes estão se dirigindo ao trabalho, chegando a 20 mil, sendo 7 mil homens e 13 mil mulheres, que segundo os dados, em torno de 10 mil são empregadas domésticas.

Mudanças de horário
Diante do cenário, será determinado por meio de um decreto municipal a mudança no horário de entrada, para às 9h, das trabalhadoras domésticas e prestadores de serviço como funcionários de escritórios de advocacia, contabilidade, oficinas mecânicas, entre outros. As funções devem ser detalhadas no decreto que ainda será publicado.

Não ficou definida como será a fiscalização para os empregadores. “Ninguém quer punir, queremos orientar. Fazer com que as pessoas possam trabalhar com mais tranquilidade. Pedimos um pouco de bom senso agora”, afirmou o presidente da CMTU, Marcelo Cortez.

Reforço nos ônibus
Durante a coletiva de imprensa, foi afirmado que 92% das frotas foram mantidas. Com o objetivo de amenizar as lotações, o prefeito afirmou que 50 novos ônibus serão disponibilizados nos horários de pico, das 6h30 às 8h e das 16h às 19h.

Não foram divulgadas em quais linhas os coletivos vão atender. Cortez ressaltou que álcool em gel e máscaras estão disponíveis nos terminais. “Em vários terminais teremos ônibus extras parados por ali e se caso houver aglomeração, estará disponível na hora. Nas principais linhas que fazem ligação do bairro para o centro. Em todas de maior fluxo estamos intervindo”, explicou.

Informações: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Londrina

Rádio Almagro FM

Rate this item
(0 votes)
Última modificação em Terça, 09 Junho 2020 09:48

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

Prefeito alerta para fake news: hospitais não recebem por cada caso de Covid-19

Guarda Municipal interdita bar e encerra festa em residência em Londrina

Zagueiro Augusto se despede e lista de saídas do LEC chega a oito jogadores

Capotamento deixa três feridos e causa confusão generalizada na zona oeste

Transsexual morre ao ser atropelada por carro na BR-369 em Londrina

Prefeito Marcelo Belinati anuncia multa de até R$ 120 mil para quem promover aglomerações em Londrina

Morre no hospital em Londrina segurança de concessionária baleado enquanto trabalhava

Mulher e criança ficam feridas em acidente de trânsito em Londrina

Cadastro para o Auxílio Emergencial pode ser feito nas agências dos Correios