Cartão transporte de usuário com Covid-19 pode ser bloqueado em Londrina

Cartão transporte de usuário com Covid-19 pode ser bloqueado em Londrina Foto: Redação

O bloqueio do cartão transporte para quem testar positivo para Covid-19 foi uma das medidas discutidas ontem terça-feira (6) em uma reunião entre o Ministério Público, CMTU, Secretaria de Saúde e entidades como a ACIL. O objetivo é evitar que as pessoas diagnosticadas com o vírus furem o isolamento social, colocando em risco a sua saúde e de outros usuários dos ônibus.

A medida ainda está sendo estudada para realizar um controle mais efetivo do bloqueio, uma vez que muitas pessoas pagam em dinheiro ou emprestam o cartão-transporte de terceiros. O bloqueio seria temporário, ou seja, apenas durante o tempo em que a pessoa precisasse cumprir o isolamento social, geralmente um período inferior a 14 dias.

Mais alguns itens foram discutidos na reunião e o tema da superlotação do transporte público de Londrina ganhou destaque. Acordou-se que nos próximos dias haverá algumas mudanças para conter a transmissão da Covid-19, como uma fiscalização ainda mais intensa para o cumprimento da ocupação de passageiros nos veículos.

Os ônibus passarão a circular com cartazes anunciando a capacidade máxima de cada veículo, que durante os horários de pico é de 65% e nos demais horários de 55%. Também foi anunciado um efetivo de ônibus extras e reservas, que ficarão disponíveis em casos de necessidade.

Foto: Redação

Informações: Ministério Público e CMTU

Rádio Almagro FM

Rate this item
(0 votes)
Última modificação em Quarta, 07 Abril 2021 09:58

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.